Cidades

Barreiras sanitárias entram em operação em quatro pontos estratégicos dos principais acessos à capital

As barreiras sanitárias instaladas pela Prefeitura de Campo Grande começaram a funcionar nesta quinta-feira (11), em quatro pontos estratégicos dos principais acessos ao município. A ação deve se estender pelos próximos 15 dias, com funcionamento diário das 07h às 18h, inclusive aos fins de semana.

As intervenções estão ocorrendo em pontos considerados estratégicos nas saídas para Cuiabá, Sidrolândia, São Paulo e Três Lagoas, onde há um fluxo maior de veículos vindo dos municípios do interior e de fora do Estado.

Durante as abordagens é realizada uma triagem prévia de todos os passageiros e motoristas dos veículos que entrarem na cidade por estes pontos, seguindo protocolo de biossegurança. Posteriormente é feita a desinfecção dos veículos.

Moradora do município de Sidrolândia, a funcionária pública Beth Miranda elogiou a iniciativa adotada na Capital. “Estamos passando por um momento muito difícil por conta dessa pandemia e esse trabalho é uma forma de prevenir. Acredito que seja muito importante no sentido de alertar a população”, comentou.

Segundo a superintendente de Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde, Veruska Lahdo,  motoristas e passageiro passam por uma triagem prévia, onde é feita aferição temperatura e questionado sobre a presença de sintomas da Covid-19 nos dias anteriores à viagem. Simultaneamente são realizadas orientações sobre como evitar a contaminação pelo vírus.

“A barreira tem, sobretudo, um caráter educativo, além, é claro, de uma medida de controle sanitário. O nosso objetivo maior é conscientizar essas pessoas sobre as medidas de prevenção e, de certa forma, controlar o acesso ao nosso município de pessoas suspeitas, considerando que todo o País está sofrendo com o aumento no número de casos, além da circulação de novas cepas do vírus”, diz.

Caso o motorista ou passageiro apresente ou relate algum sintoma suspeito, o mesmo será orientado a procurar imediatamente o serviço de saúde.

A instituição das barreiras sanitárias é uma das medidas deliberadas pelo prefeito Marquinhos Trad, no último fim semana, para conter o avanço da Covid-19 no município, e que já estão sendo executadas, assim como a ampliação de leitos e desinfecção de ruas e terminais, além do reforço na fiscalização noturna.

O trabalho conta com o apoio da Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran), Guarda Civil Metropolitana (GCM), Polícia Rodoviária Federal, Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Polícia Militar e todas as secretarias municipais.

fonte: CG Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *