Início » Dourados entra em lockdown a partir de domingo

Dourados entra em lockdown a partir de domingo

Crédito: Reprodução/Internet

O prefeito Alan Guedes confirmou, durante live na manhã de hoje (28), que Dourados entrará em Lockown a partir deste domingo (30). Somente serviços essenciais poderão funcionar no município, como serviços de saúde, postos de combustíveis e supermercados, sendo proibida a circulação de pessoas durante 14 dias.
Conforme o prefeito, os serviços essenciais citados, como mercados, farmácias, hospitais, padarias e açougues, poderão funcionar, porém com restrições. As medidas restritivas não foram explicadas por Alan Guedes.
“Estamos também organizando um comitê emergencial para acompanhar a continuidade dos serviços nestes 14 dias e vamos ampliar, sobremaneira, as ações de fiscalização, em parceria com outros órgãos e o outros entes federados. Nós precisamos punir quem desrespeitar o decreto”, apontou Alan, durante o pronunciamento.
O decreto, que será publicado no Diário Oficial do município ainda hoje, poderá valer de domingo ao dia 13 de junho.
Colapso
Alan Guedes afirmou, durante a live, que “este é o momento mais difícil que enfrentamos […]. Todos os dias cerca de 40 a 50 pessoas aguardam por um leito. Isto demonstra de maneira muito efetiva à sobrecarga do sistema de saúde Dourados e de nossa macrorregião tem sofrido”.
“Mesmo nós tendo avançado de 35 para 55 leitos de UTI em 5 meses, não foi possível para frear essa sobrecarga em nosso sistema de saúde. Além disso, Dourados hoje lideram ranking de novas infecções, são em média 220 casos por dia, muito mais do que a nossa Capital”, ressaltou o prefeito.
Fluxo de atendimento
Na quinta-feira (27), Alan anunciou um novo fluxo de atendimento na saúde para casos suspeitos ou confirmados de Coronavírus. Ele falou que, a partir de hoje, o PAM e a Seleta serão as unidades que vão atender casos da Covid, das 6h às 22h.
Para melhor garantir fluxo do atendimento, conforme o prefeito, a Seleta será responsável pelos atendimentos de casos “mais brandos” da doença. Já o PAM, de síndrome respiratória.
Caso o paciente esteja com síndrome respiratória e precise procurar ajuda médica das 22h às 6h, deverá se direcionar a UPA, que a partir de amanhã e por um período de 16 dias só atenderá casos da Covid-19.
Com isso, o prefeito anunciou que a UPA deixará de atender a pediatria e clínico geral (área verde). Pais que precisarem levar as crianças no médico, nesse período, deverão procurar o Hospital da Vida.
Os atendimentos clínicos para adultos serão feitos em duas tendas em frente ao Hospital da Vida. Conforme o prefeito, haverá todo um suporte adequado no local.
Todo o atendimento das áreas amarela e vermelha da UPA também serão transferidos para o Hospital da Vida.
Bandeira Cinza
Dourados é o único município de Mato Grosso do Sul com bandeira cinza, que indica grau de extremo risco, conforme o Prosseguir (Programa de Saúde e Segurança da Economia de Mato Grosso do Sul). Quarta-feira (26), a cidade ultrapassou a Capital no número de novas contaminações da doença, registrando 226 casos positivos nas últimas 24 horas. Maior recorde já registrado no município desde o início da pandemia.
Nas quatro macrorregiões do Estado a ocupação de leitos UTI/SUS seguem com números preocupantes. Campo Grande e Corumbá tem 100% de ocupação, Dourados 97% e Três Lagoas 99%. A lista de espera por um leito clínico é de 254 pacientes. Estão internados na rede hospitalar 1231 pacientes. Desses, 719 estão em leitos clínicos e 512 em leitos de UTI.
fonte: O Progresso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Instagram
WhatsApp