Polícia Civil conclui Operação Fronteira Segura com apreensão de mais 1,7 tonelada de maconha

Aral Moreira/Ponta Porã (MS): A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira – Defron vem realizando – há 60 dias – a Operação Fronteira Segura nos municípios de Aral Moreira e Ponta Porã. A Operação, que terminou nesta quarta-feira (23), foi concluída com a apreensão de 1.750 quilos de maconha, além de efetuar a prisão de seis pessoas nas duas cidades, além de recuperar um automóvel furtado em Campo Grande

Na cidade de Aral Moreira a Defron, ao acompanhar a negociação sobre a venda de drogas, realizou incursão em um imóvel residencial localizado no Bairro Ipê, onde se encontravam três pessoas. Na carroceria de uma camionete, embaixo de um móvel e no forro do imóvel foi apreendida 1.250 quilos

de maconha, além de uma camionete GM S-10.

O morador do imóvel onde apreendida a droga, um paraguaio com a idade de 52 anos, possui extensa ficha criminal, tendo cumprido mais de cinco anos de prisão, no regime fechado, pela prática de tráfico de drogas.

Já os outros dois presos, naturais de Aral Moreira, cuja prisão foi realizada após a realização de cerco policial, uma vez que empreenderam fuga pulando muros, não possuem ficha criminal e alegaram terem sido iludidos pela promessa de lucro fácil oferecida pelo paraguaio.

Em outra frente de trabalho, já em Ponta Porã a Defron, com o apoio de policiais da 1º DP, no curso de

investigação que identificou uma serralheria instalada no Bairro da Granja que funcionaria um entreposto de armazenamento e distribuição de drogas, realizou incursão no local ao identificar a chegada de entorpecentes, sendo realizada a prisão de três indivíduos, um de nacionalidade paraguaia, a apreensão de 550 quilos de maconha, bem como de um automóvel VW Voyage, produto de furto na cidade de Campo Grande, com placa de origem paraguaia.

Todos os presos foram autuados em flagrante pela prática de tráfico de drogas e associação para o tráfico, além da receptação para os flagrados na serralheria em Ponta Porã.

*Polícia Civil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Instagram
WhatsApp